segunda-feira, 24 de Outubro de 2011

Reflexão Sportinguista.



Enquanto não nos viciarem em derrotas, jamais deixaremos de lutar pelo clube do nosso Coração. O Sporting enquanto instituição exemplar no que toca á conduta e responsabilidade não poderá deixar permitir faltas de respeito para com o clube. Ao minarem a comunicação social de vampiros sedentos de guerrilhas desportivas pensam que detêm o poder de separar as hostes Sportinguistas, jamais podemos permitir que nos separem enquanto guerreiros leoninos. Para que continuem a sua cataculpa de estupidez sugiro então que peguem nos anos passados em que fomos miseravelmente roubados pelos homens de negro, daquele negro bem crispado, um negro tendencioso e corrupto e com provas já dadas de incompetência no universo desportivo nacional. Um negro bem equipado, um negro que bem podia ser azul e encarnado, mas quis a real prepotência arbitral que se fizessem equipar de negro para não serem demasiado conotativos com a podridão que gere o futebol nacional.

 Podemos perder os nossos jogos, podemos não nos realizarmos boas exibições, mas continuamos a ser um clube diferente até no que toca a integridade e respeito para com o próximo, por isso digo que “Não somos melhores, nem piores…Somos diferentes” . Somos diferentes na maneira de receber e na forma como encaramos até as derrotas, derrotas essas que nos fazem particularmente mais lúcidos e menos pacientes. Esta abordagem de época foi diferente, nova direcção, nova abordagem desportiva, novos sonhos e outros desejos…Ainda é cedo para falar da avaliação que faço desta direcção, penso que no final da época desportiva anos poderemos ter uma ideia mais formada do que mudou no Sporting. Desde já agradeço tudo o que têm feito para tentar voltarmos a ter um clube ganhador. Ávidos de vitórias estamos perante uma derradeira hipótese de ressurreição Sportinguista. Que o fantasma de um Sporting ignorante e ignóbil desapareça para sempre…

A Paixão parece ter voltado, os sócios e adeptos apanharam a onda vitoriosa e acompanham a equipa para todo o lado, o Sporting parece ter voltado, as vitorias terão obviamente ajudado nessa reviravolta, mas são os Sportinguistas o maior tesouro que o Sporting Clube tem actualmente. Somos nós que carregamos muitas vezes a equipa ao colo, e somos nós que encaramos muitas vezes a derrota de frente e fomos nós que transformamos uma equipa pouca crente numa equipa com sabor a espetáculo!  Obrigado a todos que partilham uma paixão destas, uma paixão que jamais qualquer adepto de outro clube perceberá. Não são as vitórias que nos movem, é uma atitude de crença e acreditar que um dia voltaremos a ter um sorriso nos lábios quando percebemos que finalmente estamos a festejar algo na praça do Marques do Pombal. Obrigado por serem únicos.

quinta-feira, 25 de Agosto de 2011

Os Sportinguistas estão de volta...


O medo e a angústia voltaram a pairar por momentos em Alvalade nestes jogos iniciais do Sporting, teremos capacidade para pensarmos que estamos realmente diferentes e que o Sporting está mesmo de volta? Está o Sporting com capacidade para dar á volta a 10 anos de incapacidade e incompetência directiva? São perguntas óbvias neste momento, e a maior parte dos Sportinguistas já terá pensado na inevitável resposta. NÃO.

Traçando uma linha ideal, o Sporting começa hoje a sua caminhada de vitórias, tem um resultado confortável com os dinamarqueses e avança qual cavalo galopante para uma época de sucesso. Esse seria teoricamente falando o cenário ideal, cenário esse que todos os verdadeiros Sportinguistas desejam. Apesar de a minha mente querer afastar o fantasma da desilusão é óbvio que ela ainda permanece no meu consciente. Sinto que o Sporting precisa de se erguer de novo, precisa de sangue novo, de gente nova que volte a colocar o Sporting entre os grandes de Europa e sem o nosso apoio essa tarefa não se afigura fácil. 

A Confiança anda em baixo e só uma injecção de ambição e vontade poderá dar á volta a uma situação particularmente difícil, todos nós estamos já calejados contra a tristeza e o infortúnio das derrotas, mas sinto que há um pequeno levantar de cabeça nos sportinguistas, não digo que o Sporting está de volta, digo antes que os Sportinguistas estão de volta, será para manter esta pequena onda verde e branca? 


segunda-feira, 18 de Julho de 2011

Pede um desejo.

A Ambição leonina volta a estar no auge, as melhorias a nível de organização e responsabilidade são por demais evidentes, e nem uma revisão de estatutos feita á velocidade da luz tira mérito a esta direção. A casa parece agora bem mais arrumada, mas os resultados mais uma vez poderão ditar o sucesso ou insucesso deste Sporting. Para o Plantel profissional foram efetuados alguns melhoramentos, e parece que os resultados e as exibições já vão mostrando alguma coordenação futebolística. Comprar bem e barato parece ser o lema, aprecio a surpresas que a comunicação social e os Sportinguistas vão tendo. Tudo isto parece já bem organizado. Mas falando de surpresas e desejos, nunca um Sportinguista terá desejado tanto um jogador como Ricardo Quaresma. Nunca na vida de Sportinguista tinha assistido á tamanho febre por um futebolista, Imaginando cenários fico com a convicção que nestes dias as orelhas do Ricardo tenham estado bastante quentes…

Importa perceber o porquê deste entusiasmo á volta de um simples jogador de futebol, é como se Deus descesse á terra em forma de trivela…As noticias essas vão correndo de forma rápida e com poucas conclusões, mas nada vai impedindo o Sportinguista de suspirar pelo Quaresma. Compreendo e apoio a decisão de trazer Ricardo Quaresma de volta a sua casa mãe (obviamente dependente dos valores) mas apresentado o “cigano”, Duque e Freitas sabem que a magia e a paixão poderão estar de volta á Alvalade beneficiando assim a multidão Leonina sedenta de uma boa dose de alegria.